NUNCA É NOITE NO MAPA

  • Gênero: Documentário
  • Ano: 2016
  • Duração: 6'11"
  • Bitola final: Digital
  • Cor: Colorido
  • Sinopse: Que diferença faz para o mapa, se ele te contem? Um encontro frontal com o mapa, nos leva a um passeio pelo circuitos da simbiose entre o mapa e as transformações dos espaços na era do capitalismo digital.
  • Direção: Ernesto de Carvalho
  • Empresa produtora: Zumbayllu mesmo assim a gente faz
  • Outros - Produção: Colaboração: Bruno Huyer, Lucas Caminha, Miguel Antunes Ramos
  • Montador: Ernesto de Carvalho
  • Principais exibicoes e premiações: Prêmio de melhor curta-metragem no VII CachoeiraDoc Prêmio de melhor montagem na 8a Semana dos Realizadores Seleção Oficial Mostra Foco na 20a Mostra de Cinema de Tiradentes
  • Curiosidades: Texto completo da narração: A cidade onde moro, vista de cima, neste mapa aéreo, interpolado, solícito. Eu estou em uma dessas ruas, em uma dessas casas. Eu estou dentro do mapa. O mapa não se importa se eu estou dentro dele ou não; mas eu estou, dentro do mapa. O mapa é indiferente, livre. O mapa não precisa de pernas, nem de asas. O mapa não anda, nem voa, nem corre, não sente desconforto, não tem opinião. Nunca chove dentro do mapa e não há vento no mapa. No mapa não há contramão nem velocidade. Pro mapa não tem engarrafamento, nem direção. O mapa é um olho desincumbido de um corpo, e eu estou dentro do mapa, em algum lugar. Mesmo que eu tente me esconder, o mapa me encontra, e me contém. Eu estou dentro do mapa. Aí estou eu, dentro do mapa. Eu estou dentro do mapa. Esse sou eu, dentro do mapa. Não tive tempo de colocar os sapatos e saí de casa descalço pra fotografar o mapa. E esse é o mapa. O mapa é abstrato, o mapa é livre, imaterial. O mapa não precisa de pernas, nem de asas... O mapa não voa nem corre, não sente desconforto, e não tem opinião. E eu estou dentro do mapa, para sempre. Surpreso ao ver de perto o mapa tomar a forma de uma viatura. Flagrado no momento em que fui acometido de um súbito desejo de tentar impedir que ela entrasse no beco lá de casa. Tomado de curiosidade, e medo. Como alguém que uma vez identificado, e flagrado num crime, decide continuar, ao invés de oferecer-se à lei. Foi aí que percebi a presença de um guarda. Ele poderia achar que eu estava incomodando o mapa, e poderia quem sabe interceder pelo mapa. Imaginei que eles teriam alguma espécie de acordo O guarda era como a própria viatura do mapa: profissional, organizado, diligente. O mapa sem dúvida percorreria milhares de ruas sem se preocupar demais de não ter conseguido entrar direito no beco lá de casa. Todos são iguais perante a lei e todos são iguais perante o mapa. As viaturas do mapa percorrem a cidade. As viaturas da polícia percorrem a cidade. Todos são iguais perante a lei, Todos são iguais perante o mapa. Sempre que a manifestação chega a esta altura da avenida, já é de noite... Em 2011 O mapa não podia entrar naquela rua de terra lá no fundo. Em 2012 O mapa ainda não podia entrar lá. Em 2013 também não. Dois anos depois... A viatura do mapa agora pode percorrer este espaço. Ao lado dessas outras viaturas... As viaturas da nova cidade... viaturas que abrem o caminho para a viatura do mapa, as viaturas da polícia e todas as outras viaturas. Há 200 metros de onde as máquinas passaram, aluga-se casas e quarto. Aluga-se casas e quarto. Aluga-se casas e quarto. Aluga-se casas e quarto. As viaturas da nova cidade passaram. Há 2 mil quilômetros dali, passaram as viaturas da polícia, imparciais, que garantiram a passagem das viaturas da nova cidade, olímpica, e em seguida passou a viatura do mapa, indiferente. Vai sair quem quiser, quem não quiser fica. Vai sair quem quiser, quem não quiser fica. Cidade bem policiada, cidade bem mapeada, canteiro de obras, bilheteria. O mapa é imparcial, não tem opinião, É exatamente como aquele agente de segurança privada: não é representante do estado, nem da comunidade, a sua única preocupação é o acordo que tem com a propriedade. Pro mapa não há governo, pro mapa não há guerra civil, não há golpe de estado, não há revolução. Nunca é noite no mapa
Mais nesta categoria: « DESYRRÊ GORDXS »

© 2021 Cinema Pernambucano. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Dev3code